Frases de Cecília Meireles

Aprendi com as primaveras a deixar-me cortar e a voltar sempre inteira.

Aprendi com as primaveras a deixar-me cortar e a voltar sempre inteira.

Cecília Meireles
A vida só é possível reinventada.

A vida só é possível reinventada.

Cecília Meireles
Hoje desaprendo o que tinha aprendido até ontem e que amanhã recomeçarei a aprender.

Hoje desaprendo o que tinha aprendido até ontem e que amanhã recomeçarei a aprender.

Cecília Meireles
A vida é pobre, o tempo é triste, mas a música embala os dias, desde manhã até a noite.

A vida é pobre, o tempo é triste, mas a música embala os dias, desde manhã até a noite.

Cecília Meireles
Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam, mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre.

Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam, mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre.

Cecília Meireles
Senhor, fazei de mim como as ondas do mar que fazem de cada recuo um impulso para ir mais adiante.

Senhor, fazei de mim como as ondas do mar que fazem de cada recuo um impulso para ir mais adiante.

Cecília Meireles
Um amigo me chamou pra cuidar da dor dele, guardei a minha no bolso. E fui.

Um amigo me chamou pra cuidar da dor dele, guardei a minha no bolso. E fui.

Cecília Meireles
O vento é o mesmo. Mas sua resposta é diferente em cada folha.

O vento é o mesmo. Mas sua resposta é diferente em cada folha.

Cecília Meireles
Aprendi com as primaveras a deixar-me cortar e a voltar sempre inteira.

Aprendi com as primaveras a deixar-me cortar e a voltar sempre inteira.

Cecília Meireles
A minha infância de menina sozinha deu-me duas coisas que parecem negativas, e, foram sempre positivas para mim: silêncio e solidão.

A minha infância de menina sozinha deu-me duas coisas que parecem negativas, e, foram sempre positivas para mim: silêncio e solidão.

Cecília Meireles
Entre mim e mim, há vastidões bastantes para a navegação de meus desejos afligidos.

Entre mim e mim, há vastidões bastantes para a navegação de meus desejos afligidos.

Cecília Meireles
Devíamos poder sonhar com as criaturas que nunca vimos e gostaríamos de ter visto...

Devíamos poder sonhar com as criaturas que nunca vimos e gostaríamos de ter visto...

Cecília Meireles
É preciso amar as pessoas e usar as coisas e não amar as coisas e usar as pessoas.

É preciso amar as pessoas e usar as coisas e não amar as coisas e usar as pessoas.

Cecília Meireles
Ah! Se nem eu sei quem sou, como posso esperar que venha alguém a gostar de mim?

Ah! Se nem eu sei quem sou, como posso esperar que venha alguém a gostar de mim?

Cecília Meireles
Em que espelho ficou perdida minha face?

Em que espelho ficou perdida minha face?

Cecília Meireles