Eu nunca gostei de gostar de alguém, assim como eu gosto de gostar de você.

Se der errado, a gente dá um jeito. Se quebrar, a gente conserta. Se bagunçar, a gente arruma. E se tudo acabar, a gente recomeça.
Um abraço apertado, um beijo demorado e um
Eu gosto de você porque gostar não faz sentido.
Não importa quanto vá durar – é infinito agora.