Que haverá de mais tolo do que elogiar num homem coisas que ele não possui?